O que implica um bom trabalho de Higiene Oral

No mês em que abrimos duas datas para os concorridos White Days, conversámos com a higienista Jéssica Valadares sobre os erros, os mitos e os hábitos necessários à manutenção de boa Higiene Oral e sobre a potencialidade e o impacto do Branqueamento Dentário no sorriso dos nossos pacientes.

 

Nas consultas de higiene oral, quais são os procedimentos habituais e quais são as mais-valias técnicas da MD Clínica nas consultas de Higiene Oral?

Numa consulta de Higiene Oral são removidos o tártaro e algumas manchas provocadas por tabaco, café ou por outro tipo de alimentos. Por vezes, é também feita aplicação de flúor ou produtos para diminuir a sensibilidade dentária.

Na MD Clínica, dispomos de técnicas e equipamentos que nos permitem fazer um diagnóstico mais preciso e precoce, como por exemplo, radiografias digitais, branqueamento com luz de última geração e um jacto com um pó (profijet) que reduz muito as manchas dos dentes.

 

Quais são os (maus) hábitos e os erros mais comuns dos pacientes?

Os erros mais comuns são uma técnica de escovagem desadequada e a não utilização do fio dentário. Quando aliada a uma escovagem correta dos dentes, a utilização do fio dentário é fundamental para uma boa Higiene Oral, pois a escova só chega a 60% do dente, o resto tem de ser limpo com o fio dentário.

 

Quais as regras de ouro para uma correta higiene oral?

Uma escovagem regular, a utilização de fio dentário, bons hábitos alimentares e visitas frequentes ao Higienista/Médico Dentista são essenciais para uma boa saúde oral.

 

Em que situações é recomendável o Branqueamento Dentário?

O Branqueamento Dentário é recomendável em ex-fumadores e pacientes com dentes naturalmente amarelos.

 

Quais as diferentes técnicas do Branqueamento Dentário?

Existem duas técnicas técnicas de branqueamento dentário: em consultório, o procedimento do branqueamento dentário é feito com recurso a um aparelho de luz que acelera a reação dos produtos utilizados, são feitas as aplicações de gel, conseguindo um resultado imediato. O paciente já sai do consultório com os dentes brancos.

Em casa, o branqueamento é feito utilizando moldeiras e gel aplicado diariamente. O tratamento é igualmente eficaz, mas os resultados demoram um pouco mais a serem visíveis.

Cruzar ambas as técnicas permitirá resultados ainda mais satisfatórios e duradouros.

 

Que cuidados devem ter-se após um Branqueamento Dentário?

Após um processo de Branqueamento Dentário devem evitar-se bebidas escuras, como chá, café, vinho tinto, ou alimentos como os frutos vermelhos que tornarão a pigmentar o dente.

 

Quais os mitos associados ao branqueamento?

Existe o mito de que, por exemplo, os fumadores não podem fazer um Branqueamento Dentário. Claro que podem! Após o tratamento, e de forma a prolongar resultados, devem é ter em conta alguns hábitos.

Ao tratamento do Branqueamento Dentário também está associada a ideia do agravamento da sensibilidade dentária. Quem já sofre de sensibilidade dentária poderá sentir uma agravamento destes sintomas, tratando-se de uma reação temporária que podem ser combatida com produtos específicos para a mesma.

Mas, o grande mito é que o Branqueamento Dentário desgasta o dente, o que não é, de todo, real!

 

 

Marque agora o seu Branqueamento Dentário com 50% de desconto!